Bons Estudos!

Bons Estudos!

terça-feira, 15 de agosto de 2017

8ª ano 7ª série do INSP 2017 - A independência da América Espanhola e do Haiti.





6ª ano 5ª série do INSP 2017 - A Núbia e o reino de kush.

Atividades 112 e 113.

1)
a) Sim. Essas civilizações se desenvolveram as margens do rio Nilo e utilizavam seus recursos, para a criação de gado, consumo humano, transporte e o humo que fertilizava a sua terra (agricultura).
b) As comunidades precisavam aprender usar os recursos do Nilo (represar suas águas e canais de irrigação), observar os astros e aprender a medir a passagem do tempo e perceber o ciclo das estações do ano.
c) A pedra de Roseta permitiu desvendar os Hieróglifos e a nova ciência egiptologia.
d) A escassez de fontes disponíveis limitam o conhecimento e realizações de pesquisas. Pois, muitas fontes são egípcias e não cuxitas, dificultando ainda mais o acesso aos dados confiáveis e a decifração da língua meroita.
2) Quando as águas do rio baixavam, os felás preparavam a terra, semeavam e garantiam o crescimento das plantas. A época de colheita antecedia a cheia. Quando o rio transbordava, os felás eram convocados pelo faraó para trabalhar em obras públicas, como a manutenção de canais de irrigação, construção de barragens e pirâmides.
3) C, E, A, D, B
4) Apesar de batalhas e guerras entre egípcios e núbios, não podemos deixar de destacar as trocas culturais entre os dois povos vizinhos como: os cuxitas incorporaram os deuses egípcios, pirâmides e rituais funerários parecidos e relatos indicam que no Egito eram encontrados objetos cuxitas e vice e versa.
5)
a) As cheias correspondem aos meses de inundação, que vão de julho a outubro, alcançando o pico em setembro chegando a 8,13 metros de altura.
b) A vazante ocorre entre os meses novembro e junho.

c) Após a cheia entre novembro e junho, as terras ficavam fertilizada (húmus) e prontas para plantação.

d) Pessoal

6)
a) O despertar do rei não era o mesmo despertar de uma pessoa comum. Havia uma série de preceitos, orações e procedimentos que deviam ser observados e um conjunto de ritos que seguiam uma ordem.

b) Os artesãos elaboravam objetos como móveis, joias e vestimentas que simbolizavam o poder. Sendo assim, o faraó se destacava dos demais como um ser diferente.

c) Costumes: banho e cerimonial da realeza.

Divisão de trabalho: altos funcionários, primeiro ministro e sacerdotes, de um lado, de outro barbeiros, manicures e pedicures.

Objetos usados pelo faraó: coroa, tanga, peitoral, pulseiras.

Religião: oferenda de sacrifícios aos deuses e orações feitas por sacerdotes.

7)
a) As candaces eram as rainhas, esposas ou mães dos soberanos cuxitas.

b) As candaces são apresentadas como rainhas soberanas, feiticeiras, belas, encantadas e guerreiras na luta, na justiça e na liberdade.

c) “Majestosa África/Berço dos meus ancestrais”.

8)
a) A imagem destaca o caráter guerreiro da civilização Núbia, que controlava um poderoso exército. (Usavam muito bem o arco e a flecha).

b) A estratégia militar e a fabricação de lanças e colares.

c) Comparando as miniaturas com a escultura, percebemos características comuns ás duas obras: a posição rígida das figuras, a composição saliente do tórax, a cintura de curvas acentuadas e as pernas firmes e bem torneadas. (Observem que as miniaturas eles tem a mesma expressão e não tem o objetivo de representar movimentos reais de um guerreiro).


Atenção:

03 tipos de construções funerárias eram: mastaba, hipogeu e pirâmide. Serviam como túmulo e para guardar todos os tipos de bens que seriam úteis no outro mundo.

Mastaba

Hipogeu

Pirâmide


video